Em busca do seu décimo título na Liga Mundial, o Brasil só venceu quatro dos 10 jogos que fez até aqui na competição. Mesmo assim, vai para a última rodada, na semana que vem, dependendo só de si para chegar à fase final, chamada de Final Six, na Itália. Isso porque, neste domingo, o Irã venceu o segundo jogo contra a Polônia, em Teerã, por 3 sets a 0.

Como os iranianos já haviam ganhado dos poloneses na última sexta-feira, também em Teerã, por 3 a 1, chegaram a seis vitórias e aos 19 pontos, ultrapassando a Itália na liderança do Grupo A pelo critério dos pontos average (divisão do número de pontos marcados durante os jogos pelo de números sofridos).

Os dois times estão garantidos na fase final. O Irã como um dos dois primeiros colocados da chave e a Itália por ser o país sede do Final Six. Assim, a segunda vaga do Grupo A vai ser disputada entre Brasil e Polônia na última rodada.

Como só venceu um set diante dos iranianos, em jogo adiado da primeira rodada, os poloneses foram ultrapassados pelos brasileiros na briga pelo terceiro lugar. Os dois times têm 11 pontos, mas o Brasil venceu dois sets a mais (17, contra 15 da Polônia). Ambos os times perderam 22 sets na competição.

Na última rodada, o Brasil joga quinta em Bolonha contra a Itália e depois assiste às partidas em Gdansk entre Polônia e Irã, na sexta e no sábado. Domingo, pode até entrar em quadra já classificado em Milão. De qualquer forma, ainda que os poloneses vençam os dois jogos por 3 sets a 0, o Brasil pode até perder um set. Dependendo dos pontos Average (o da seleção brasileira hoje é melhor), é possível avançar perder dois sets.