O Palmeiras anunciou nesta quinta-feira o novo patrocínio master válido por duas temporadas. A Crefisa vai estampar sua marca na área nobre da camisa alviverde por um acordo de cerca de R$ 23 milhões. Segundo Leila Pereira, presidente da financiadora, o clube não apresentou a melhor proposta financeira, mas foi quem demonstrou um melhor projeto para a empresa, que também negociava com o São Paulo.

“Acredito muito no projeto do Palmeiras. Fomos procurados por outros clubes e fechamos pelo projeto espetacular que nos foi apresentado. O valor do Palmeiras não foi o mais alto, mas foi a escolha do projeto que fez a diferença. Estamos muito satisfeitos”, disse a empresária.

O dono da Crefisa, José Roberto Lamacchia, é palmeirense fanático e admite que o acerto lhe dá uma alegria dupla. “O projeto do Palmeiras sempre foi o mais interessante de todos, isto é inegável. Mas é inegável também que meu coração pesou. Uniu o útil ao agradável, mas a proposta era a mais interessante, não financeiramente, mas o projeto é espetacular. Não tinha como negar”, reforçou.

Já o presidente Paulo Nobre adotou um discurso mais equilibrado e, embora admita que o lado torcedor do empresário possa ter ajudado na negociação, ele acredita que isso não foi preponderante para o acerto. “Isso é business. Torcemos para um clube, mas na hora que o empresário faz uma opção, ele avalia sem colocar o coração na frente da caneta. Tenho certeza que nosso projeto é muito interessante”, comentou o dirigente palmeirense.

O acerto com a financiadora faz com que uma longa espera chegue ao fim. Desde que assumiu o clube, em janeiro de 2013, Nobre tem negociado com diversas empresas, mas não conseguiu um acordo dentro de valores aceitáveis para clube e empresa. Apesar do acerto com a Crefisa, Nobre pretende negociar também outras partes da camisa, como os ombros e dentro dos números.

O dirigente comemora o fato de conseguir voltar a fazer o Palmeiras ser respeitado no mercado. “A grandeza do Palmeiras independe de qualquer dirigente. O Palmeiras tem um nome construído, e é isto que atrai tantas pessoas para fazer investimentos. A credibilidade que o Palmeiras adquiriu nos últimos dois anos, junto com o peso de uma camisa centenária, é o que aproximou a Crefisa”.

A estreia da camisa do Palmeiras com o seu novo patrocinador estampado deve acontecer no amistoso contra o Red Bull, neste domingo, às 19 horas, no Allianz Parque.