As posições do grid de largada da segunda etapa do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade estão definidas. Neste sábado, dia 21, os pilotos aceleraram no Autódromo Internacional de Cascavel, no Paraná, para garantir bons lugares. Os destaques ficaram por conta de Eric Granado, de oito anos, que assegurou pela primeira vez a pole position da categoria 125cc, e Fábio Peasson, piloto de Cascavel, que foi o melhor da 250cc. As provas da segunda etapa serão realizadas neste domingo, a partir das 9h, com transmissão ao vivo da categoria Supersport, às 15h30, pela CATVE.

O garoto Eric Granado era só alegria após a conquista da pole. ?Nunca fiz a pole position e foi bem legal. Gostei da pista e sentei o pau. A pista está bacana e é só saber acelerar nos lugares corretos?. O jovem piloto pretende aproveitar a primeira posição para largar bem. ?Na última corrida sai em oitavo e não larguei bem porque não conseguia apoiar o pé. Agora, já cresci um pouco e devo largar melhor?, explicou Eric, lembrando que vai correr para vencer na categoria 125cc. ?Pretendo ganhar esta prova?.

Fábio Peasson, piloto de Cascavel, disse que assegurar a primeira posição na 250cc em casa foi obrigação. ?A intenção era fazer um tempo melhor em relação ao segundo colocado. Mas, o vento e a temperatura da pista atrapalharam?. Para amanhã, o paranaense espera dificuldades. ?Não deu para ninguém acertar bem a moto por causa da chuva de ontem e o primeiro pelotão vai contar com uns cinco pilotos brigando. Correr em casa é bem gostoso e espero contar com o apoio da torcida?, completou.

Na categoria 500cc, Murilo Colatreli fez a volta mais rápida e garantiu a liderança no grid de largada. ?Esta foi a minha primeira pole e estou numa expectativa grande para fazer uma boa prova e vencer. Este é o meu segundo ano no motociclismo e gostaria muito de conseguir a minha primeira vitória?, contou o piloto que ficou na segunda colocação no ano passado na etapa de Cascavel. ?Me dou bem nesta pista?.

Mesmo com problemas no ligamento do tornozelo direito e na mão direita devido a uma queda, Pierre Chofard assegurou o melhor tempo na Supersport. ?Não fiz nada a mais e nem nada a menos, as coisas aconteceram?. Para amanhã, o piloto sabe que terá dificuldades. ?Tem muita gente boa correndo e espero que as coisas aconteçam como o planejado?, finalizou o piloto que ainda sente dores.