Sem contar com o técnico Fernando Diniz no banco de reservas, já que o treinador foi expulso de campo na partida contra o América-MG, o Paraná Clube será comandado pelo auxiliar Fernando Miguel.

O ex-jogador paranista ainda trabalhará de muletas no gramado. Isso porque Fernando Miguel fraturou o tornozelo recentemente e ainda não está apto a colocar o pé no chão. O mistério sobre quem comandaria o Paraná durou praticamente uma semana.

Quando Diniz foi expulso frente ao Coelho, o gerente de futebol do clube, Mathias Lamers, comandou a equipe no gramado e não conseguiu evitar a derrota por 2 a 0, que fez com que o Paraná caísse para a 15ª colocação.