No jogo em que registrou seu pior público nesta Série B – 829 pagantes –, o Paraná venceu o Macaé por 3 a 0, nesta sexta-feira (30), e quebrou a sequência de cinco partidas sem vencer na competição.

De quebra, o Tricolor praticamente acabou com qualquer risco de rebaixamento e ainda garantiu ao técnico interino Fernando Miguel sua primeira vitória no comando paranista. O time chegou aos 43 pontos, e passou para a 12ª colocação na tabela.

Faltando cinco jogos para o final do campeonato, a distância para o Ceará, primeiro time na ZR e que tem um jogo a menos, é de 11 pontos. Já o Macaé, com 38 pontos na 16ª posição, segue ameaçado.

No primeiro tempo, o Tricolor dominou o adversário, mas teve dificuldades em finalizar na meta do time carioca. A maioria das jogadas saíram dos pés do atacante Henrique, que pelo lado esquerdo foi a principal arma paranista. Mas o goleiro Rafael, do Macaé, estava atento e praticou boas defesas.

Na volta do intervalo, o Paraná voltou ainda mais agressivo, mas sem conseguir o gol. Até que Fernando Miguel colocou o atacante Lucas Pará em campo. No primeiro toque na bola, ele abriu o placar de cabeça, aos 14 minutos.

O gol deu tranquilidade ao Tricolor que ampliou o resultado com Rafael Costa, aos 39. O placar foi fechado aos 47, com Henrique, o melhor jogador da partida. Após o apito final, o elenco fechou uma roda com a comissão técnica e não escondeu o alívio pela vitória.

“Feliz demais. O time lutou até o final. Fui feliz ao dar os passes e fazer o gol, mas a união faz a força”, avaliou Henrique. “A gente vinha sofrendo cobranças da torcida e da diretoria. Agora é dar sequência”, completou o jogador.

O próximo jogo do Tricolor é contra o Náutico, no sábado (7), na Arena Pernambuco, às 17:30. No mesmo dia e horário, o Macaé recebe o Vitória, no Moacyrzão, no Rio de Janeiro.

Confira quem foram os destaques da partida:

Craque

Henrique

Recuperado depois de período no departamento médico, o atacante foi o principal homem de criação do Tricolor. Infernizou a vida dos zagueiros pelo lado esquerdo. No lance do primeiro gol, recuperou a bola e fez o cruzamento preciso para Lucas Pará. Ainda deu outra assistência para o segundo gol e marcou o terceiro.

Bonde

Wagner Carioca

O meia do Macaé não criou uma boa jogada e perdeu várias bolas no meio de campo. Assim como toda a equipe carioca, pouco produziu durante todo o jogo.

Guerreiro

Lucas Pará

O atacante entrou e no seu primeiro toque na bola fez o que os atacantes do Paraná não conseguiam fazer há cinco jogos. O último gol de um atacante havia sido contra o Mogi Mirim, no dia 19 de setembro, marcado por Lúcio Flávio.

Gols

2º tempo

1 x 0 (14 min) – Lucas Pará. O atacante entrou em campo, e em menos de um minuto recebeu um belo cruzamento de Henrique. A cabeçada foi certeira, para baixo, sem chances para o goleiro.

2 x 0 (39 min) – Rafael Costa. Em mais uma jogada de Henrique, desta vez pelo lado direito, Rafael Costa apenas empurrou a bola para o fundo da rede depois do cruzamento rasteiro.

3 x 0 (47 min) – Henrique. Fernandes abriu pela esquerda e cruzou rasteiro para o camisa 11 completar fácil, já com o goleiro batido no lance. O gol saiu para coroar a atuação do atacante.

Chave do jogo

Domínio ofensivo do Tricolor. O Paraná dominou o Macaé e venceu com tranquilidade. O resultado foi construído na segunda etapa. Foi a primeira vitória do técnico Fernando Miguel no comando paranista. Com os três pontos somados, o Paraná se afastou da zona do rebaixamento.

Cartões

Amarelos: Rafael Costa (Paraná); Anselmo, Fernando Neto e Frauches (Macaé)

Próximos jogos:

Paraná: N&a,acute;utico (fora); CRB (fora); América-MG (casa)

Macaé: Vitória (casa); Náutico (casa); Atlético-GO (fora)

Paraná Online no Facebook