Para Neuri Barbieri, presidente da Federação Paranaense de Voleibol, “o desempenho da seleção paranaense juvenil no recém encerrado campeonato brasileiro foi, sem dúvida alguma, uma das melhores atuações dos últimos anos. O vice-campeonato conquistado pelos nossos rapazes foi exuberante e só não chegamos ao título por uma questão de chances”.

De fato, a seleção juvenil paranense escreveu uma das páginas mais brilhantes do voleibol estadual dos últimos anos.

“Afinal – disse o presidente da FPV – realizamos uma campanha perfeita e só perdemos para os cariocas, na final, por meras oportunidades, haja vista que tinhamos o título na mão quando vencíamos por 2 sets a 1, com a seleção carioca ganhando o quarto set para levar a decisão ao tiebrake”.

O jogo final, contra o Rio de Janeiro, após termos vencido seleções estaduais no turno seletivo e nas semifinais, mostrou a vitória do Rio de Janeiro por 3×2, com parciais de 25×20, 27×29, 21×25, 25×21 e 15×8.

O campeonato foi realizado pela Divisão Especial da Confederação Brasileira de Voleibol e foi celebrado na cidade de Maceió, Alagoas.

A classificação ficou assim. Campeão – Rio de Janeiro; vice – Paraná; 3.º lugar – Santa Catarina; 4.º lugar – Rio Grande do Sul; 5.º lugar – São Paulo; 6.º lugar – Alagoas; 7.º lugar – Pernambuco; 8.º lugar – Distrito Federal.