O paraguaio Nilson Cabrera largou ontem na liderança da etapa Curitiba do Circuito Brasileiro de Golfe – CBG Pro Tour apresentado pelo HSBC, a principal série de torneios do golfe profissional nacional.

O torneio acontece no Clube Curitibano, em Quatro Barras, e reúne 59 golfistas brasileiros e sul-americanos, que disputam uma premiação de R$ 100 mil, sendo R$ 22 mil para o campeão. A entrada do público é gratuita.

Cabrera somou 65 tacadas (-7 em relação ao par do campo, que é 72), numa partida com poucos erros. Ele é seguido de perto pelo jovem curitibano Daniel Stapff, de 22 anos, que deu 66 tacadas (-6). “Joguei muito bem, pois estava muito relaxado por jogar em casa”, diz Stapff, que se iniciou no esporte no Clube Curitibano.

Até o buraco final, Stapff estava empatado na liderança, mas um bogey no buraco 18 (deu 5 tacadas num par 4) o fez cair para a segunda posição. Um dos poucos brasileiros que disputa o PGA Tour Latinoamérica, o principal circuito do continente, o paranaense está em 8º lugar do ranking do CBG Pro Tour, liderado pelo argentino Mauricio Molina.

A terceira posição da Etapa Curitiba é dividida por três brasileiros, que somaram 68 tacadas (-4): Tiago Silva (RS), Pablo de La Rua (SP) e Marcos Silva (PR). Em seguida estão outros três jogadores com 69 tacadas (-3): Marco Ruiz (Paraguai), Ronaldo Francisco (SP), 4.º no ranking, e Sergio Acevedo (Argentina), o 2.º colocado no ranking do circuito. Três competidores estão empatados em 9.º lugar, com 70: o líder do ranking, Molina (Argentina), Odair Lima (PR) e Francisco Ojeda (Argentina).

Segunda rodada

A segunda rodada acontece nesta sexta-feira a partir das 8h10. Os últimos competidores iniciam sua partida às 11h30.