Os finalistas Palmeiras e Santos dominaram a seleção do Campeonato Paulista 2015, divulgada pela Federação Paulista de Futebol (FPF) nesta quinta-feira. O time ideal tem apenas dois jogadores do Corinthians e nenhum atleta do São Paulo. O santista Ricardo Oliveira foi eleito o craque da competição.

O Palmeiras foi o time que mais emplacou jogadores na seleção do Estadual. São cinco jogadores (Fernando Prass, Zé Roberto, Gabriel, Arouca, Robinho) contra quatro do Santos (David Braz, Lucas Lima, Robinho e Ricardo Oliveira), de acordo com eleição definida por jornalistas de todo o estado que participaram da cobertura do Paulistão.

O Santos teve ainda como premiado Ricardo Oliveira, atacante que voltou ao futebol brasileiro no início deste ano. Ele deve terminar o Paulistão como artilheiro, com 10 gols. O santista fez um início de campeonato difícil e chegou a ser contestado pela torcida pela falta de gols. Mas embalou na metade da disputa, cresceu no time e agora já é cobiçado até pelos rivais.

Já o Palmeiras teve como destaque individual Oswaldo de Oliveira, eleito o melhor técnico da competição. Se tiver sucesso no domingo, na segunda partida da final, na Vila Belmiro, o treinador vai encerrar um jejum de sete anos do time da capital sem títulos estaduais.

As outras duas premiações individuais foram para os atacantes Crislan, do Penapolense, e Rafael Longuine, do Audax. O primeiro foi eleito o Craque do Interior. É o vice-artilheiro do Paulistão, com nove gols. E Longuine foi escolhido a Revelação do campeonato. Assim como Crislan, o atacante se destacou na artilharia, com oito gols. A dupla chegou a liderar a lista durante boa parte do Paulistão.

A decepção na escolha da equipe ideal ficou por conta da ausência de jogadores do São Paulo, um dos quatro semifinalistas da competição. Nenhum atleta do Morumbi foi lembrado. O time perdeu vaga para o Santos na final, e quase ficou fora também da fase de grupos da Copa Libertadores, classificando-se na última partida, diante do Corinthians.

O time de Tite, sensação do começo da temporada, teve apenas dois lembrados: o lateral-direito Fagner e o zagueiro Gil, que também tem frequentado a seleção brasileira do técnico Dunga.

Confira a escalação completa do time ideal do Paulistão:

Goleiro: Fernando Prass (Palmeiras)

Laterais: Fagner (Corinthians) e Zé Roberto (Palmeiras)

Zagueiros: Gil (Corinthians) e David Braz (Santos)

Volantes: Gabriel e Arouca (Palmeiras)

Meio-campistas: Robinho (Palmeiras) e Lucas Lima (Santos)

Atacantes: Robinho e Ricardo Oliveira (Santos)

Técnico: Oswaldo de Oliveira.