Dirigentes do São Paulo conversaram por duas horas na tarde desta quarta-feira, no CT da Barra Funda, com um grupo de cerca de 20 torcedores, mobilizado pela organizada Independente, sobre definições para o futuro da equipe. De acordo com o presidente da uniformizada, Henrique Gomes, o Baby, estavam presentes todos os diretores executivos do São Paulo, além do presidente Carlos Augusto de Barros Silva, o Leco.

Como adiantou o Estado, o grupo quer mais espaço nos bastidores do São Paulo, e cobrará profissionalismo da diretoria tricolor para as próximas temporadas, depois de sucessivas decepções do time em campo, nos últimos anos. “A reunião foi 100% positiva”, avaliou Baby, após a conversa desta quarta. “Conseguimos expor nossas ideias e reivindicações, e demos nossa contribuição para os próximos passos do clube.”

O grupo discutiu com os dirigentes uma série de ideias, opiniões e cobranças, divididas em nove tópicos e compiladas em uma “cartilha” entregue à diretoria, com o intuito de ajudar os dirigentes no planejamento para 2018. A organizada emitirá uma nota sobre o encontro ainda nesta quarta. Ninguém do clube se pronunciou sobre a conversa até o momento.

Entre as sugestões estão mudanças no estatuto do clube (pedido de direito a voto para sócios-torcedores), uma proposta de terceirização do departamento de marketing (e ações para valorizar a marca do São Paulo), e pedidos de contratações pontuais para o time de Dorival Junior (goleiro, laterais, meio-campista e dois atacantes).

O grupo ainda cita Lucas Moura e Alexandre Pato como exemplos de “jogadores de renome” em quem o clube deveria apostar, e sugere quatro nomes para cargos no departamento de futebol, como superintendente ou coordenador: Leonardo, Lugano, Pintado, Raí e Muricy.

“Presidente, iremos monitorar todas essas solicitações e queremos um retorno de todos os itens”, informa o grupo, no documento. “Não deixaremos isso ser engavetado e não mais permitiremos amadorismo no SPFC. Chega de lutarmos na parte de baixo da tabela. Queremos e exigiremos títulos!”