O Operário de Ponta Grossa entra em campo às 20h30, em busca de reabilitação no segundo turno do Paranaense 2011. Contra o Cascavel, no estádio Germano Kruger, o Fantasma vai tentar fazer valer seu desempenho no início do campeonato, que o coloca na condição de melhor clube do interior na soma total da classificação.

No ataque, o Fantasma vai ter o desfalque do centroavante Ícaro, suspenso após ter tomado o terceiro cartão amarelo. Em seu lugar é quase certa a entrada de Dhiego Martins, que o substituiu bem na derrota para o Coritiba, domingo, no Couto Pereira.

Na zaga, o treinador Amilton Oliveira ainda tem dúvidas sobre quem entra em campo. Durante o treino da manhã de ontem, o comandante com sinalizou a possibilidade de colocar André no lugar de Vinícius no setor defensivo. A decisão final, no entanto, deve ser divulgada apenas minutos antes de o jogo começar.

Na Serpente, que ocupa a lanterna da competição, a novidade está no comando técnico. Joel Costa substitui o interino Fernando César, já pensando no que fazer para tentar escapar do rebaixamento: ganhar de cinco a seis jogos, começando pelo Operário, em Ponta Grossa.

Desligamento

O meia Diego Palhinha pediu ontem seu desligamento junto ao Operário de Ponta Grossa. O jogador foi para o Horizonte, que disputa do Campeonato Cearense.