A chegada do técnico Rogério Micale também reforçou a comissão técnica do Paraná Clube para a continuidade da temporada de 2018. O novo comandante paranista trouxe o preparador físico Marcos Seixas, que também foi campeão olímpico em 2016 com a seleção brasileira, e o auxiliar técnico Fabinho Santos, que já passou pelas categorias de base do clube e já foi técnico do time principal do Joinville.

Com isso, a configuração da comissão técnica do Paraná Clube muda um pouco para a sequência do ano. O responsável pela preparação física do Tricolor será agora Marcos Seixas. Rodrigo Rezende, que no ano passado desempenhou um grande trabalho à frente do departamento físico paranista na conquistado do acesso à primeira divisão, passa a trabalhar ao lado de Seixas.

Quem também chega para ajudar o técnico Rogério Micale é o auxiliar-técnico Fabinho Santos. Além de ter comandado o time principal do Joinville, o profissional, nos anos de 2011 e 2012 foi treinador dos times Sub-15 e Sub-17 do Tricolor. Ele será o segundo auxiliar de Micale, enquanto Ademir Fesan, que faz parte da comissão técnica permanente paranista, será o primeiro auxiliar-técnico do clube.

Observações

Nesta primeira semana de trabalho, a nova comissão técnica do Paraná Clube segue observando e avaliando o elenco que tem em mãos para a sequência da temporada. O técnico Rogério Micale destacou a importância da semana cheia para a sequência de decisões que o Tricolor terá para a disputa da Taça Caio Júnior do Campeonato Paranaense.

“Muitas informações já me foram passadas pelos profissionais do clube. Mas, gosto de ver o atleta no campo para então traçar o meu diagnóstico do elenco. Estamos procurando aproveitar ao máximo este tempo disponível para treinamentos. Depois, serão cinco jogos decisivos em apenas dezoito dias”, concluiu Micale.

A estreia do novo treinador paranista acontece neste domingo (4), às 16h, diante do Cianorte, fora de casa. Na sequência o Tricolor, já na quarta-feira, terá pela frente o clássico contra o Coritiba, na Vila Capanema. Conseguir bons resultados será fundamental para o Paraná Clube buscar a vaga na semifinal da Taça Caio Júnior e, de quebra, se afastar da zona de rebaixamento do Estadual.