Maior campeão da história do Brasil Open com título em 2008, 2011 e 2012, Nicolas Almagro estreou com vitória na nova edição do evento. Ontem, o espanhol, número 11 do mundo, encontrou dificuldades para superar o chileno Paul Capdeville, mas triunfou por 2 sets a 1, com parciais de 6/4, 6/7 (3-7) e 6/2.

Esta foi a nona vitória seguida de Almagro no Brasil Open. Ele não é derrotado pela competição desde 2009, quando caiu nas quartas de final diante do português Frederico Gil. A partir de então, o espanhol venceu quatro partidas em 2011, quando o torneio era disputado na Costa do Sauípe, e mais quatro em 2012, quand houve a transferência para São Paulo.

No ano passado, após garantir o terceiro título e se sagrar o maior campeão da história do evento, superando os dois troféus ostentados por Gustavo Kuerten, Almagro comemorou de uma forma diferente. Ele usou uma camiseta com a frase “eu amo o Brasil”, escrita a mão e em português, com um coração simbolizando a palavra “amo”. Foi uma homenagem a Guga, que vestiu uma camiseta com a frase “eu amo Paris” ao conquistar o tricampeonato de Roland Garros, em 2011.

Cabeça de chave

Cabeça de chave 2 desta edição do torneio, Almagro entrou diretamente na segunda rodada. Pelas quartas de final, ele aguarda o vencedor do confronto argentino entre David Nalbandian e Guido Pella.