Faltam ainda quatro meses para o Mundial de Clubes da Fifa, no Japão. Mas Neymar já está preocupado com um possível confronto com o Barcelona na final do campeonato, principal objetivo do Santos neste segundo semestre de 2011.

Ciente do poder ofensivo do time espanhol, o atacante brasileiro acredita que o Santos precisará de ajuda divina para ficar com o troféu de campeão mundial. “Encarar o Barcelona é muito complicado. Acho que não tem tática. Acho que vai ter de rezar, pedir a Deus, e ir para o jogo”, disse Neymar, em tom de brincadeira, em entrevista ao site da Fifa.

Afora a brincadeira, o atacante admite que o Barcelona é o melhor time do mundo, mas avisa que o Santos vai jogar de “igual para igual” contra os catalães. “A gente quer chegar à final, claro, e se tiver de encarar o Barcelona, é encarar de igual para igual. O Barcelona é o melhor time do mundo, tem o melhor jogador do mundo atuando pelo time deles, mas vamos jogar nosso futebol”, comenta.

Antes do Barcelona, porém, o Santos precisará vencer seu jogo na semifinal, cujo adversário só será definida durante a disputa do Mundial. “Primeiro de tudo, vamos ter uma partida que é muito importante e pode ser perigosa também, antes de pensar em disputar a final, ou em um Barcelona”, pondera Neymar.