O goleiro Fernando Prass defendeu nesta quarta-feira, depois da vitória do Palmeiras por 1 a 0 sobre o Atlético Goianiense, a importância do resultado em detrimento de uma atuação convincente. No estádio Allianz Parque, em São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro, a equipe conseguiu a vitória graças a um gol do atacante colombiano Borja, no segundo tempo, e pela primeira vez na competição tem dois resultados positivos consecutivos.

Fernando Prass admitiu que o time foi abaixo do esperado. “A gente vem crescendo em termos de resultado e de atuação. Óbvio que não é todo jogo que vamos jogar bem, mas estamos em uma crescente, conseguindo assimilar um pouco mais o que o (técnico) Cuca está pedindo”, afirmou o goleiro. Em jogos anteriores, como na derrota para o Santos, no estádio da Vila Belmiro, em Santos, a análise do time era a oposta: atuação convincente, mas resultado ruim.

Apesar de ter enfrentado um adversário que não somou pontos como visitante neste Brasileirão, Fernando Prass explicou que o Atlético Goianiense começou a demonstrar nas últimas rodadas uma evolução e, por isso, complicou o Palmeiras. “O Atlético começou mal o campeonato, mas está em uma fase de recuperação, se organizando. Quem enfrentar daqui para frente vai ter cada vez mais dificuldades”, disse.

O goleiro apenas lamentou que o Palmeiras passou sufoco por não ter conseguido definir o jogo no segundo tempo. “A gente sabia que seria um jogo complicado até pela postura deles. Tivemos a chance de fazer 2 a 0 e matar o jogo, mas não fizemos e foi complicado até o fim”, comentou. O próximo adversário da equipe pelo Brasileirão é a Ponte Preta, em Campinas (SP), neste domingo.