O espanhol Rafael Nadal começou bem a busca pelo seu sétimo título em Roland Garros. Na sua estreia no segundo Grand Slam da temporada, disputado em quadras de saibro em Paris, o número 2 do mundo venceu o italiano Simone Bolelli, 111º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 0, com parciais de 6/2, 6/2 e 6/1.

Dono de seis títulos de Roland Garros, Nadal tenta se isolar como o maior vencedor do torneio, já que o sueco Bjorn Borg também faturou seis troféus. E o espanhol entra em quadra embalado pelos títulos nas quadras de saibro de Montecarlo, Barcelona e Roma.

Com a vitória desta terça-feira, Nadal passa a acumular 46 vitórias em 47 jogos em Roland Garros. Esta é a oitava participação do espanhol no Grand Slam francês e ele só foi derrotado em 2009, nas oitavas de final, pelo sueco Robin Soderling.

Nadal fez um início de duelo equilibrado com Bolelli, mas conseguiu duas quebras de serviço no final da parcial para vencer por 6/2. No segundo set, o espanhol abriu 4/0, permitiu uma reação do italiano, que venceu dois games seguidos, mas logo se recuperou para triunfar novamente por 6/2. No terceiro set, Bolelli não ofereceu qualquer resistência a Nadal, que venceu por 6/1.

Na segunda rodada de Roland Garros, Nadal vai encarar o usbeque Denis Istomin, 43º colocado no ranking da ATP, que bateu o russo Igor Kunitsyn (6/2, 6/2 e 6/1). O espanhol venceu os dois duelos, ambos em 2010, que teve contra o seu próximo oponente em Roland Garros.

OUTROS JOGOS – O espanhol David Ferrer estreou com uma tranquila vitória em Roland Garros. Nesta terça-feira, o número 6 do mundo derrotou o eslovaco Lukas Lacko, 64º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/4 e 6/1. Na segundo triunfo sobre Lacko em dois duelos, Ferrer disputou 28 winners e cometeu 29 erros não-forçados, contra 16 bolas vencedoras e 17 equívocos do oponente.

Apesar de ser especialista em quadras de saibro, Ferrer nunca passou das quartas de final em Roland Garros. Seu próximo adversário em Paris será o francês Benoit Paire, que derrotou o espanhol Albert Ramos (7/6, 6/4, 6/7 e 6/3).

O sérvio Janko Tipsarevic teve dificuldades, mas venceu o norte-americano Sam Querrey, 71º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 1 , com parciais de 2/6, 6/4, 7/6 (7/3) e 6/3. Este foi o quinto duelo entre os tenistas e o número 8 do mundo conseguiu apenas o seu segundo triunfo.

Tipsarevic já conhece o seu adversário na segunda rodada do Grand Slam francês. O sérvio vai encarar o francês Jeremy Chardy, que passou pelo taiwanês Yen Lu (6/4 6/1, 6/7 (3/7), 3/6 e 11/9).

Em duelo entre tenistas ucranianos que começou na segunda-feira e precisou ser paralisado em razão da falta de luz natural, Aleksandr Dolgopolov, 19º colocado no ranking da ATP, se deu melhor e venceu Sergyi Stakhvosky, número 84 do mundo, por 3 sets a 2, com parciais de 6/7 (4/7), 6/4, 7/6, (7/4), 3/6 e 6/3. Na segunda rodada, Stakhovsky vai enfrentar o alemão Tommy Haas, ex-número 2 do mundo, que eliminou o italiano Filippo Volandri (6/3, 0/6, 6/4 e 6/4).

Apoiado pela torcida, o francês Richard Gasquet se classificou para a segunda rodada de Roland Garros ao vencer o estoniano Jurgen Zopp, 103º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/4 e 7/6 (7/4). Na segunda rodada, o número 20 do mundo vai duelar com o búlgaro Grigor Dimitrov, 87º colocado no ranking, que derrotou o norte-americano Donald Young (7/6, 6/1 e 6/1).

Também nesta terça-feira, o francês Julien Benneteau, o russo Dmitry Tursunov, o argentino Eduardo Schwank, o finlandês Jarkko Nieminen e o alemão Florian Mayer venceram e se classificaram para a segunda rodada de Roland Garros.