Motivado por dois títulos consecutivos em seu retorno às quadras, Rafael Nadal não apenas confirmou sua presença no Masters 1000 de Indian Wells como vai encarar a competição como um teste para a sequência de sua temporada. O espanhol estava em dúvida há poucas semanas por causa da recente recuperação do seu joelho esquerdo.

“Será um grande teste para mim”, admitiu o espanhol, campeão do Brasil Open e do Torneio de Acapulco, ambos disputados sobre a terra batida. “Hoje eu sei que posso jogar no saibro. Para mim, isso é muito importante”.

Nadal ganhou confiança após vencer o compatriota David Ferrer, especialista em saibro e atual número quatro do mundo, na decisão mexicana, no domingo. O “Rei do Saibro” venceu a final em dois sets e com direito a um “pneu”. “Eu comecei a me sentir livre para correr em todas as bolas. Isso é fantástico”, avaliou.

O bom desempenho e a vitória confirmaram o rápido crescimento do espanhol neste início de ano. Antes de competir – e ser vice-campeão – em Viña del mar, na primeira semana de fevereiro, Nadal ficara sete meses afastado para tratar uma lesão no joelho esquerdo.

O título no Brasil Open foi o primeiro teste, há três semanas. E o resultado em Acapulco corroborou o bom momento do espanhol. Empolgado, afastou a possibilidade de se ausentar dos dois Masters 1000 disputados em piso duro nos Estados Unidos (Indian Wells e Miami) e garantiu presença no primeiro torneio.

Se não voltar a sentir dores no joelho, Nadal deve competir também em Miami, antes de iniciar a temporada de saibro na Europa.