O Borussia Dortmund teve trabalho na Allianz Arena nesta terça-feira e precisou da prorrogação para avançar para a terceira fase da Copa da Alemanha. Mas o adversário não era o Bayern de Munique, que o eliminou nas quartas de final da edição passada, e sim o modesto Munique 1860, que resistiu duramente, mas acabou derrotado por 2 a 0 no tempo extra.

Apesar de o rival jogar a segunda divisão alemã, o Borussia, vice-campeão da Liga dos Campeões na temporada passada, mostrou respeito e mandou a campo força máxima. Mas mesmo com a presença de Lewandowski, Reus e Mkhitaryan, não conseguiu furar o ferrolho armado pelos bávaros.

Na prorrogação mesmo foram duas bolas na trave antes de o placar ser aberto, com o gabonês Aubameyang, de pênalti. Reforço contratado junto ao Saint Étienne, ele já fez seis gols em 10 jogos pelo Dortmund.

No lance do pênalti, aos 14 minutos do primeiro tempo da prorrogação, Stahl recebeu o vermelho. Com um a mais em campo, o Borussia teve seu trabalho facilitado e fez o segundo, logo no começo da etapa final, com o armênio Mkhitaryan.

OUTROS JOGOS – Outros times da primeira divisão a entrarem em campo na primeira leva de jogos da Copa da Alemanha, nesta terça, não tiveram dificuldades. O Wolfsburg contou com um gol do brasileiro Diego, ex-Santos, e outro do suíço Timm Klose para vencer o Aalen, da segunda divisão, por 2 a 0, em casa. Luiz Gustavo e Naldo também foram titulares.

Já o Augsburg, oitavo colocado do Alemão, jogou fora de casa contra o Preussen 06, da terceira divisão. Venceu por 3 a 0 e também garantiu classificação. Werner fez dois gols e saiu como artilheiro do jogo.