No jogo que marcou a estreia dos jogadores considerados titulares do Grêmio em uma partida nesta temporada, o time tricolor decepcionou a sua torcida ao ser derrotado por 1 a 0 pelo Cruzeiro-RS, em sua arena, no final da noite deste sábado, em Porto Alegre.

Com o péssimo resultado, a equipe ampliou o seu jejum no Campeonato Gaúcho, no qual agora acumula quatro derrotas e um empate em cinco confrontos realizados até aqui. Assim, estacionou também na penúltima posição da tabela, com um ponto, ficando à frente apenas do lanterna Novo Hamburgo, que tem a mesma pontuação e neste domingo encara o São Paulo-RS, em casa, no complemento desta quinta rodada.

Já o Cruzeiro-RS foi aos sete pontos ganhos e assumiu a quinta posição da tabela de forma provisória. E, além de ser surpreendido, o time gremista esperava usar este duelo de sábado como uma primeira preparação positiva para os dois jogos da final da Recopa Sul-Americana, nos próximos dias 14 e 21, contra o Independiente.

O Grêmio vai lutar pelo título deste caneco continental por ter faturado o seu terceiro troféu da Libertadores no ano passado. Por causa do feito, jogou o Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro, e por isso os titulares voltaram das férias para esta temporada mais tarde e só puderam iniciar agora a defender a equipe no Gaúcho.

E a equipe gremista chegou a dar a impressão de que poderia até vencer com facilidade ao acertar uma bola na trave após Kannemann completar cobrança de escanteio de Luan já aos 2 minutos do primeiro tempo. Porém, depois disso os mandantes passaram a sofrer muito para criar jogadas ofensivas e eram bem marcados pelos cruzeirenses.

Os visitantes, por sua vez, quase abriram o placar aos 37 minutos, quando Geromel tentou afastar o perigo após cobrança de escanteio, mas chutou a bola em cima de Cícero e viu a bola sobrar para João Guilherme, que chutou com perigo à esquerda de Marcelo Grohe.

E já no início da etapa final, aos 2 minutos, o Cruzeiro conseguiu a construir a sua vitória. Após escanteio batido pela esquerda, o árbitro viu um puxão de Madson em Kozlowski dentro da área e assinalou a penalidade. Aos 3, Kayron chutou no canto direito de Grohe, que quase tocou na bola, mas viu a mesma passar por baixo do seu corpo e entrar no gol.

Depois disso, o Grêmio pressionou bastante e criou várias oportunidades de empatar. Aos 28 minutos, talvez naquela que foi a sua melhor chance de marcar no jogo, Kannemann desviou uma cobrança de escanteio no primeiro pau e achou Geromel, que, na pequena área, finalizou e parou em uma grande defesa do goleiro Deivity.

E o Grêmio pressionou até os acréscimos do tempo normal do jogo, que foi até os 49 minutos, mas não teve competência para evitar a derrota que manteve a equipe comandada por Renato Gaúcho na zona de rebaixamento da competição. O próximo jogo da equipe no Estadual será já na próxima quarta-feira, contra o Brasil de Pelotas, novamente na Arena Grêmio.