enkontra.com
Fechar busca

De Letra

Murray vence de virada e vai às semifinais de Wimbledon

O número 2 do mundo avançou ao derrotar o espanhol Fernando Verdasco

O escocês Andy Murray enfrentou mais dificuldades do que se imaginava, mas mesmo assim conseguiu se manter vivo na luta pelo título de Wimbledon, terceiro Grand Slam da temporada, disputado em quadras de grama. Nesta quarta-feira, o número 2 do mundo avançou para as semifinais ao derrotar o espanhol Fernando Verdasco, 54º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 2, com parciais de 4/6, 3/6, 6/1, 6/4 e 7/5, em 3 horas e 27 minutos.

Favorito diante de Verdasco, Murray enfrentou muita dificuldade na partida, que foi acompanhada por Alex Ferguson, seu compatriota, que deixou o comando do Manchester United depois do encerramento da temporada 2013/2013 do futebol europeu, após décadas de sucesso.

O primeiro set seguiu sem quebras de serviço até o 10º game, quando Murray perdeu o seu saque com uma dupla-falta e viu Verdasco fechar a parcial em 6/4. No segundo set, Murray chegou a abrir 3/1, com uma quebra de serviço no terceiro game, mas permitiu a reação do espanhol, que converteu break points no sexto e oitavo games e abriu 2 a 0 na partida ao fazer 6/3.

Sob pressão, Murray reagiu no terceiro set e foi soberano. Sem o ter o seu saque ameaçado, o britânico abriu 3/0 logo no começo e conseguiu a sua segunda quebra no set no sexto game. Em seguida, venceu o seu game de serviço e fechou a parcial em 6/1. No quarto set, Murray precisou salvar quatro break points e converteu o único que conseguiu, no sétimo game. Assim, venceu por 6/4 e provocou a realização do quinto set.

Na parcial decisiva, Murray voltou a aproveitar a única chance que teve para quebrar o saque de Verdasco, dessa vez no 11º game. Depois, confirmou o seu serviço e se classificou para as semifinais de Wimbledon, para delírio dos torcedores, esperançosos em ver um tenista britânico ser campeão da chave masculina de Wimbledon, o que não acontece desde 1936.

Nas semifinais, Murray vai enfrentar o polonês Jerzy Janowicz. Nesta quarta-feira, o número 22 do mundo avançou ao derrotar o compatriota Lukazs Kubot, 130º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 0, com parciais de 7/5, 6/4, e 6/4, em 2 horas e 7 minutos. Assim, se tornou o primeiro tenista do seu país a se classificar para as semifinais de Wimbledon.

Esta é a segunda vez que Janowicz causa surpresa em um torneio, já que no ano passado ele foi finalista do Masters 1000 de Paris. Agora, tentará voltar a causar assombro e estragar a festa da torcida em Wimbledon para Murray.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas