Montreal – O 11.º Mundial de Desportos Aquáticos não será mais em Montreal, no Canadá, por causa de problemas financeiros. A Federação Internacional de Natação (Fina) decidiu ontem trocar a sede do campeonato, porque a cidade canadense não conseguiu confirmar que poderia cumprir as obrigações contratuais.

A Fina abriu um curto processo de concorrência para escolher a nova cidade – o anúncio será no dia 15 de fevereiro. A grega Atenas, organizadora das Olimpíadas de 2004, e Long Beach, na Califórnia (EUA), seriam candidatas.

Mas Long Beach, com dívidas de 1 milhão de euros por causa do Pré-Olímpico, avisou que não poderá receber o evento. Uma solução seria dividir os cinco esportes (natação, nado sincronizado, pólo aquático, saltos e maratonas aquáticas) em diferentes sedes.

Copa do Mundo

Os brasileiros Rodrigo Rocha Castro e Guilherme Roth conseguiram a 4.ª colocação nas provas de ontem, em Estocolmo, na Suécia, durante a disputa da Copa do Mundo de Piscina Curta (25m).