Alcina de Castro Zagallo, 80, mulher do ex-jogador e ex-treinador Mário Zagallo, morreu ontem vítima de insuficiência respiratória, segundo informou a CBF em nota oficial de luto na noite divulgada em seu site.

De acordo com a entidade, Alcina estava internada na Casa de Saúde São José, no Rio de Janeiro e será enterrada às 16h no Cemitério São João Batista, também no Rio. O velório começa a partir das 13h. Zagallo, que tem 81 anos e está afastado do futebol desde a Copa do Mundo-2006, estava casado com Alcina desde 1955.

Ex-jogador de Botafogo e Flamengo, Zagallo foi campeão do mundo pela seleção em 1958 e 1962 (como jogador), 1970 (como técnico) e 1994 (assistente técnico). Em 2006, foi auxiliar de Carlos Alberto Parreira, reeditando a dupla de 1994.

Segundo a CBF, Zagallo já comandou a seleção em 131 partidas (é o recordista). O curioso é que foram apenas nove derrotas (97 vitórias e 25 empates). Como jogador, foram 36 partidas e só três derrotas (29 vitórias e quatro empates).