De volta ao Brasil após vencer a categoria 30-34 anos do ironman nos Estados Unidos, o médico Camilo Benke não é apenas um triatleta em busca de recordes. Ele é acima de tudo um caçador de desafios.

Em apenas cinco meses o curitibano encarou 11.400 m de natação, 540 km de ciclismo, 126 km de corrida (soma dos percursos de três ironman), além de alcançar o cume do Kilimanjaro – o monte mais alto da África.

Com apenas dois anos de treinamentos, o médico triatleta conhece os limites do corpo e da mente humana, e busca explorar o máximo do esforço físico e mental para superar cada desafio que impõe a si mesmo. As últimas provas de longa distância disputadas por Camilo em setembro são outros exemplos dessa superação.

O ironman da Inglaterra (Ironman UK Triathlon) apresentou dificuldades no trajeto de grandes desníveis e péssimas condições climáticas com tempo frio, ventanias e pancadas de chuvisco.

Camilo completou a prova em 11 horas e 16 minutos. Na disputa com outros 1.300 atletas, alcançou a 147.ª posição. Mas foi na prova dos Estados Unidos (Cambridge, Maryland) que Camilo passou por problemas difíceis de serem superados. Primeiro, entrou na água bem depois da largada. Para compensar no pedal, o triatleta esforçou-se ao máximo.

“Estava pedalando bem com média de 36,2 km/h. Já calculava o tempo para finalizar”, conta Camilo. Entretanto, no quilômetro 120 um furo no pneu quase o tira da competição.

Na maratona, alcançou os atleta que o ultrapassaram. “Realizei a maratona forte e me esforcei muito para ultrapassar um por um”, diz. O resultado foi a vitória na sua categoria, com o tempo de 10 horas e 38 minutos e o oitavo lugar geral numa competição que contou com 140 atletas.

Metas para 2009

Em 2009, as metas de Camilo e seu próximo desafio já estão traçados. O triatleta buscará representar o Brasil na mais extensa prova de triathlon do mundo: o ultraman.

Apenas 35 atletas de todas as partes do mundo 530 selecionados para cumprir um percurso que Inclui 10 km de natação, 421 km de ciclismo e 84 km de corrida. São três dias de competição em que os atletas param apenes para dormir.

Além das distâncias, enfrentam grandes oscilações de temperatura que podem chegar a 420º C, ventos de até 40 km/h, chuva e alta umidade (em torno de 80%), condições que aumentam ainda mais as diflculdades.

Desde abril de 2008, quando superou um dos principais desafios da sua carreira como atleta, o duplo desafio – completou o ironman na África do Sul e atingiu o cume do Kilimajaro num intervalo de uma semana, Camilo Benke treina intensamente para participar da seleção do Ultraman 2009. A prova mais extensa do trlithlon mundial ocorrerá na Ilha de Kailua-Kona, em Big Island, no Havaí, em novembro de 2009.