te11221204.jpg

Os dois zagueiros já fizeram
propostas para ficar, mas a diretoria
achou muito alto.

O Atlético define hoje a situação do zagueiro Marinho e do volante Fabiano para a temporada 2005. Os dois são os únicos jogadores que têm contrato encerrado neste final de ano que abriram negociações com a diretoria do Rubro-Negro.

Para ficarem na próxima temporada, as partes terão que entrar em acordo financeiro, já que os dois não estão vinculados a nenhum clube. Em relação ao treinador, a direção ainda tenta acertar com Paulo Bonamigo, que está no Botafogo.

"Nós temos uma reunião amanhã com a diretoria do Atlético. A proposta foi entregue na semana passada e eles pediram um prazo até esta quarta-feira", disse Marquinhos Malaquias, sócio da Massa Sports, empresa que representa o jogador. Malaquias revelou que Fabiano está reivindicando um aumento salarial. "Ele está valorizado pela campanha no Campeonato Brasileiro e na proposta tem um reajuste dentro do padrão de mercado."

Caso a diretoria aceite a proposta e essa decisão tem que sair hoje, Fabiano ficaria na Baixada pelos próximos dois anos. "É como a gente diz, ou vai ou racha", brincou. No entanto, ele aposta num acerto. "O Atlético é a prioridade do Fabiano. Se não der, ele tem proposta do Cruzeiro e do Japão", destacou.

O caso de Fabiano é praticamente o mesmo do zagueiro Marinho. O jogador apresentou sua proposta para permanecer mais um ano, mas também depende da avaliação da diretoria sobre os números. Como foi titular absoluto, escolhido como um dos melhores da competição, Marinho também espera ser valorizado para ficar para a disputa da Copa Libertadores da América e do Brasileirão.

Treinador

Por enquanto, a diretoria do Furacão garante não ter nenhum nome, mas o nome de Paulo Bonamigo continua como o mais forte para comandar a equipe em 2005. O técnico do Botafogo ainda não definiu se fica no Rio de Janeiro ou volta para Curitiba. Na Cidade Maravilhosa, tem a família de sua esposa, mas precisa remontar o time, que quase caiu para a segunda divisão este ano. Aqui, tem a própria casa e a possibilidade de disputar o torneio suamericano, além de uma equipe montada e uma estrutura invejável.

Caso Bonamigo não aceite a proposta, Cuca passa a ser o principal nome para comandar o Atlético. Outros nomes já foram cogitados, mas descartados pela direção. Também estão sendo oferecidos vários nomes todos os dias, mas nenhum do agrado da direção.

Um novo gramado para 2005

O Atlético iniciou ontem o replantio de parte do gramado da Arena da Baixada. A medida acontece todo final de ano quando a "grama de inverno" é substituída pela "de verão". Cerca de três mil metros quadrados do campo receberão placas da espécie bermuda tifway 419. Este tipo de gramado possui ótima capacidade de recuperação e agüenta intenso pisoteio. A tolerância ao calor e à seca são excelentes, que diminui ao frio e ao sombreamento, por isso a troca gradativa no inverno pela espécie ryegrass. De acordo com Jorge Vargas, diretor de patrimônio do Rubro-Negro, a troca estará concluída antes do final do ano e o gramado estará pronto para receber os jogos do Campeonato Paranaense e da Copa Libertadores da América.