O técnico Vanderlei Luxemburgo poderia ter usado o treino desta sexta-feira para dar um mínimo de entrosamento ao time que vai a campo enfrentar o Santos, domingo, no Engenhão. Sem Ronaldinho Gaúcho, Thiago Neves e Bottinelli, era a ocasião de testar a formação e dar conjunto à equipe. Mas o treinador optou por deixar os jogadores apenas na academia.

Segundo Luxemburgo, o cronograma não fugiu ao normalmente utilizado em semanas com jogos às quartas-feiras. O técnico ficou irritado com as perguntas referentes à escolha de não comandar uma atividade tática ou coletiva. “Nada diferente do que faço com jogos no meio da semana. Estou espantado com as perguntas”, rebateu Luxemburgo.

Com os trabalhos restritos à parte física, o treinador adiou a definição do time para sábado. “Não tenho a equipe definida. Quero ver todas as possibilidades, desenhar e ver o que faço. Nada me proíbe de fazer um tático amanhã (sábado)”, comentou o técnico rubro-negro.

Apesar do mistério, Luxemburgo deverá escalar Maldonado na vaga de Thiago Neves e colocar Diego Maurício no ataque, em detrimento de Negueba e Jael.