O técnico Osmar Loss saiu de campo satisfeito neste domingo não apenas com a goleada de 4 a 1 que o Corinthians aplicou no Vasco, mas também pela versatilidade demonstrada por sua equipe e pela grande performance do atacante Ángel Romero. A partida, válida pela 16ª rodada do Brasileiro, foi disputada no estádio Mané Garrincha, em Brasília.

O Corinthians entrou em campo neste domingo com Romero de centroavante. E o paraguaio não decepcionou: marcou três dos quatro gols da equipe. “O Corinthians já tinha essa forma de jogar bem definida, sem o centroavante. Então ganhamos possibilidades quando voltar Roger, Jonathas, e deixamos os adversários um pouco mais perdidos, tentando saber como nosso time vai jogar”, comentou o treinador.

A estratégia deu certo graças a Romero. O time paulista saiu atrás no placar, mas obteve a virada com dois gols do atacante em menos de dez minutos. Depois Jadson ampliou de pênalti. E, nos acréscimos, Romero anotou o seu terceiro gol.

“O Romero nós já conhecemos bem, é o artilheiro da arena, ele veste a camisa, tem a raça do jogador corintiano. Ainda tem muito para evoluir. Às vezes queremos explicar tudo com base na habilidade. Mas o futebol não é só habilidade. Romero tem um pouco de tudo isso. Exerce muitas funções em campo”, elogiou Loss.

O técnico admitiu medo de que, com o destaque recente do atacante, sofra mais uma perda no elenco. “A janela de transferências fecha no fim de agosto. Eu gostaria que hoje já fosse 1º de setembro. O que me deixa tranquilo é que o Corinthians não é o único a perder jogadores”, ponderou.

Com o resultado deste domingo, o Corinthians chegou a sua terceira vitória em quatro jogos desde o retorno do Brasileirão, ao fim da Copa do Mundo da Rússia. “Eu acho que todas as equipes foram beneficiadas por essa parada da Copa. Quem tem perspectiva de treinar, que gosta de treinar… O futebol brasileiro dá pouca possibilidade para isso. Nós aproveitamos bem esse período, fizemos amistosos competitivos que nos deixaram preparados para esta volta.”