Todos os jogadores do Los Angeles Kings, equipe de hóquei no gelo, apareceram no Staples Center vestindo camisetas de Kobe Bryant antes do primeiro evento esportivo da arena desde a morte do astro aposentado do Los Angeles Lakers em um acidente de helicóptero.

Os Kings também homenagearam Bryant e as outras vítimas do acidente de domingo com um vídeo antes do jogo contra o Tampa Bay Lightning e um momento de silêncio de 24 segundos na quarta à noite – os visitantes ganharam o duelo pela NHL por 4 a 2.

Os jogadores dos Kings utilizaram as versões 8 e 24 da camisa de Bryant nos seus 20 anos de carreira nos Lakers. Ambas as equipes usaram adesivos de homenagem na parte de trás dos seus capacetes.

O capitão do Kings, Anze Kopitar, disse que os jogadores decidiram coletivamente usar a camisa de Bryant na homenagem. “Para nós, jogadores de hóquei, estando tantos anos conectados aos Lakers, sentimos que deveríamos prestar algum tipo de homenagem”, disse. “É um pouco heterodoxo para o nosso código de vestimenta, mas queríamos demonstrar nosso respeito”.

Os Kings estão historicamente ligados aos Lakers, e não apenas porque compartilharam um complexo de treinamento em El Segundo até 2017. As equipes utilizam o mesmo ginásio desde que os Kings ingressaram na NHL em 1967, e o dono dos Lakers, Jerry Buss, também foi proprietário dos Kings de 1979 a 1988.

Bryant esteve presente em vários jogos dos Kings ao longo dos anos, muitas vezes levando consigo as filhas. “Ele estava aqui para ganhar jogos e ganhar campeonatos, e esse é o objetivo final no esporte”, afirmou Kopitar.

“Sendo novo na comunidade, acho que entendi o lugar de Kobe em nossa cidade, a história da cidade e do esporte, mas não com a magnitude completa. Então, foi uma boa experiência para mim aprender o seu verdadeiro impacto”, disse o treinador dos Kings, Todd McLellan.

As proximidades do Staples Center se transformaram em uma área de luto para os fãs. A praça está coberta de lembranças e flores, com milhares de pessoas visitando a área para prestar uma homenagem silenciosa a Bryant e às demais vítimas. Ele e sua filha, Gianna, morreram junto com outras sete pessoas em Calabasas, Califórnia, no domingo, em um acidente de helicóptero.

O jogo dos Lakers contra o Los Angeles Clippers seria realizado na noite de terça-feira, mas foi adiado após a tragédia. O próximo compromisso em casa do time pela NBA será na sexta, diante do Portland Trail Blazers.