O atleta chinês Liu Xiang deverá ser operado ainda no Reino Unido após lesionar-se nesta terça-feira durante as eliminatórias dos 110 metros com barreiras dos Jogos Olímpicos de Londres, informou uma fonte do Escritório de Esportes de Xangai.

De acordo com esse funcionário da cidade natal de Liu, que se manteve no anonimato, “a Administração Geral de Esportes do Estado entrou em contato com vários hospitais para o tratamento de Liu”, indica hoje o diário oficial “Shanghai Daily”.

Após sua lesão, com uma possível nova ruptura do tendão de Aquiles, como já aconteceu há quatro anos nos Jogos Olímpicos de Pequim, Liu “permanecerá no Reino Unido durante um tempo, e é bem possível que seja operado lá”, acrescentou a fonte.

Campeão olímpico em Atenas em 2004, Liu caiu lesionado logo no primeiro obstáculo das eliminatórias dos 110 metros com barreiras e comoveu as 80 mil pessoas presentes no Estádio Olímpico ao deixar o local pulando num pé só.

 

“Acho que o problema ocorreu na saída”, disse o chefe da equipe de atletismo chinesa, Feng Shuyong, antes de ressaltar que “no momento da saída o tendão suporta muita pressão”.

 

Feng, no entanto, assegurou ontem que Liu por enquanto não pensa em aposentadoria.