O Atlético-MG encontrou dificuldades, mas conseguiu vencer o Villa Nova de virada, por 2 a 1, neste sábado, no estádio Independência, pela sexta rodada do Campeonato Mineiro. O resultado manteve a equipe com 100% de aproveitamento e na liderança da tabela, com 18 pontos. O time visitante está em nono, com quatro.

O Cruzeiro, segundo colocado com 13 pontos, visitará o América de Teófilo Otoni neste domingo, às 16 horas. Pelas regras da competição, as equipes jogam a primeira fase entre si, em turno único, e os quatro melhores avançam para as semifinais.

Para manter a campanha perfeita, o Atlético sofreu. Apesar de mandar na partida, encontrou dificuldades em furar a retranca adversária. A primeira chance veio aos 11 minutos. Danilo recebeu passe de Yago, mas chutou em cima do goleiro Fernando Henrique.

A partida seguiu truncada. Preocupado com a falta de criatividade da equipe, o técnico Roger Machado optou por mexer aos 30 minutos da etapa inicial com a entrada de Cazares no lugar de Yago, que deixou o campo aplaudido pelos torcedores.

Apesar da mudança, quem saiu na frente do marcador foram os visitantes. Aos 41 minutos, após cobrança de escanteio, Lula desviou na primeira trave e Felipe Augusto apareceu na segunda para desviar para as redes.

O Atlético, no entanto, não deu nem tempo de seu torcedor sofrer e igualou o placar dois minutos mais tarde. Marcos Rocha cruzou, Danilo disputou pelo alto e a bola sobrou para Fred marcar de cabeça. Foi o oitavo gol dele, artilheiro isolado do Estadual.

No segundo tempo a história se repetiu. O Atlético era melhor, mas também não assustava o goleiro Fernando Henrique. Roger tentou apostar nas jogadas de bola aérea com a entrada de Rafael Moura no lugar de Robinho, mas pouco mudou.

O Villa Nova chegou a dar um susto. Gladstone marcou de cabeça, mas o zagueiro estava em posição de impedimento. O Atlético respondeu com Fábio Santos, que aproveitou rebote de Fernando Henrique, mandou uma bomba, mas a bola desviou na zaga e saiu pela linha de fundo.

O suado gol da virada só foi sair aos 36. Cazares e Fábio Santos tabelaram pela esquerda. O equatoriano invadiu a área e rolou para Otero, que bateu sem chances para o goleiro adversário.

O Atlético agora se concentra para a estreia na fase de grupos da Libertadores. Na quarta-feira, visitará o Godoy Cruz, da Argentina, em duelo válido pelo Grupo 6, que conta ainda com Libertad, do Paraguai, e Sport Boys, da Bolívia.