O zagueiro Leandro Castán utilizou o Twitter para comentar pela primeira vez sobre o tiro acidental que deu em um amigo na noite de segunda-feira, num sítio em Jaú, no interior de São Paulo. O titular do Corinthians escreveu no final da tarde desta terça que “um acidente infelizmente aconteceu” e que ele confia numa boa recuperação do rapaz atingido pelo disparo.

Leonardo Calixto, que tem 20 anos, teve o pulmão perfurado com o disparo de uma arma de pressão e está internado da Santa Casa de Jaú. Apesar do acidente na noite anterior, Leandro Castán treinou normalmente na manhã desta terça-feira, quando recebeu todo o apoio da diretoria do Corinthians. O zagueiro, no entanto, pode responder por crime de lesão corporal.

Através do Twitter, Leandro Castán contou que falou por telefone com Leonardo na tarde desta terça-feira. “Acabamos de conversar e ele me disse que está se recuperando bem e que logo sai dessa”, escreveu o zagueiro corintiano. “Foi um acidente que infelizmente aconteceu e logo o Léo estará aí de volta. Quem o conhece sabe que esse menino é demais. Força, Léo.”

O jogador também aproveitou para se defender de quaisquer acusações sobre o acidente. “Quem me conhece sabe do meu caráter e que jamais atiraria em uma pessoa, ainda mais estando dentro da minha casa e em um amigo”, afirmou Leandro Castán, que ainda agradeceu o apoio que tem recebido nesse momento. “Obrigado pelo carinho e pela força de todos.”