Com a confirmação do rebaixamento, foram poucos os jogadores do Atlético que falaram com a imprensa após o fim da partida em que o clube ganhou do Coritiba.

O meia Cleber Santana, que deve estar de saída do clube, lamentou a queda e cutucou o Atlético Mineiro, que foi goleado pelo Cruzeiro por 6 a 1. Se o Galo tivesse vencido, o Furacão não teria sido rebaixado. “Acho que lutamos até o fim, nos dedicamos. Não dependíamos da gente. Agora é levantar a cabeça pelo nosso trabalho e pensar no próximo ano. Em relação a vitória do Cruzeiro a Federação Mineira tem coisa nisso aí. É complicado. Não fizeram muito no campeonato e agora goleiam”, esbravejou.

O prata da casa Deivid lembrou da torcida. “A torcida mereceu essa vitória. Nos apoiou do início ao fim. Mesmo sendo difícil. Eles estão de parabéns”, disse.

O mais emocionado de todos era o meia Paulo Baier, que disse que quer ficar e disputar a Série B pelo clube. “Tenho contrato até o fim do ano que vem e estou a disposição. A gente vai voltar e eu sou o primeiro a ficar para ajudar a voltar. Com certeza voltaremos. Estamos tristes pelo torcedor, que nos ajudou e incentivou. Faltou planejamento”, concluiu.