Eleita a melhor atacante do Grand Prix 2010, a ponteira Jaqueline mostrou estar confiante nesta terça-feira e garantiu que a seleção brasileira de vôlei feminino tem boas condições de conquistar o Mundial do Japão. Mas para obter o feito, ela avaliou que a equipe não poderá cometer os mesmo erros de 2006.

Na época, o Brasil vacilou na decisão e perdeu acirrado confronto para a Rússia por 3 a 2, ficando com o vice-campeonato mundial. “Em 2006, fizemos uma boa campanha, mas acabamos vacilando em alguns momentos na final. Esse ano vai ser diferente. Quero o título. Não penso em outra coisa”, garantiu a ponteira.

Jaqueline destacou ainda que a boa preparação pode ser decisiva na conquista do primeiro título mundial da seleção brasileira. “O Mundial conta com times muito fortes. Serão jogos muito difíceis, mas estamos preparadas. Estou confiante. Tivemos uma excelente preparação tanto em Saquarema quanto aqui em Tóquio e vamos com tudo para buscar o título”.

Na quarta-feira, a seleção brasileira deixará Tóquio e seguirá para Hamamatsu, sede dos jogos do Grupo B na primeira fase. A estreia será contra o Quênia, no dia 29 de outubro. Também estão na chave Itália, Holanda, Porto Rico e República Checa.