Domingo, o Iraty vai depender do Malutrom para se classificar à semifinal do paranaense. Além de ter que vencer o Roma, em Apucarana, o Azulão precisa de um tropeço do Cianorte, adversário do time de São José dos Pinhais. Se “aprontarem” em Cianorte os jogadores do Malutrom vão receber uma gratificação dos iratienses.

Nos dois clubes, cujos presidentes são os primos Sérgio Malucelli (Iraty) e Juarez Malucelli (Malucelli), a oferta é desconversada ou vista como “coisa do futebol”. O fato não é o primeiro extra-campo que envolve o parentesco. Quando se enfrentaram na última rodada da primeira fase, especulou-se que o Malutrom entregaria o jogo para o “primo”.

O Iraty venceu, por 2 x 1, e a campanha do Malutrom na segunda fase apagou qualquer suspeita de arranjo.