Único invicto no Campeonato Paulista, o Palmeiras recebe o Ituano nesta quarta-feira, às 22 horas, no estádio do Pacaembu, pela nona rodada, com quatro novidades e a esperança de, mesmo com novas caras, manter o ritmo e a força que se tornaram característica do time na competição. A principal atração é a estreia do meia Bruno César.

Entretanto, o torcedor terá de ter paciência, já que o meia começará no banco de reservas. “Ele está treinando forte, com muito mais dinâmica e, principalmente, confiança. É o que ele precisa para ter um grande retorno”, disse o técnico Gilson Kleina.

Vontade, com certeza, é algo que não vai faltar. Nesta terça, o meia esbanjou categoria no treinamento de cobranças de faltas e cansou de mandar a bola no ângulo de Fábio e Vinícius (terceiro e quarto goleiros, respectivamente).

O time sofrerá mudanças em todos os setores. Wellington, com dores na coxa esquerda, está fora. Já Wesley, com dores musculares, e Valdivia serão poupados. Outra ausência é Leandro, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Na zaga, Tiago Alves, recuperado de lesão, ainda não mostra segurança para começar um jogo. Marcelo Oliveira será deslocado para o setor.

O meio de campo terá apenas Mazinho dentre os titulares dos últimos jogos. Josimar fará a estreia com a camisa do Palmeiras ao lado de França – titular pela primeira vez -, enquanto que o paraguaio Mendieta fica responsável pela criação com Mazinho.

Nas contas da comissão técnica, mais duas vitórias deixam o Palmeiras praticamente assegurado na próxima fase. A equipe alviverde começou a rodada na liderança do grupo D, com 20 pontos, sete a mais do que o vice-líder Bragantino.

O curioso é que os dois próximos adversários do Palmeiras – Ituano e Botafogo, no domingo – estão no Grupo B, o mesmo do Corinthians. Ou seja, vencer as duas partidas pode ajudar o rival. Embora isso sirva de motivo para brincadeiras entre torcedores, os jogadores não levam a sério essa situação. “Temos de jogar pelo Palmeiras, sem se preocupar com os outros”, assegurou o zagueiro Lúcio.