Assim como vem acontecendo nesta e nas últimas temporadas, a torcida da Internazionale sofreu. Mas nesta terça-feira pôde ir para casa feliz. O time de Milão precisou da prorrogação, mas derrotou o Bologna por 3 a 2, no estádio Giuseppe Meazza, e avançou às quartas de final da Copa da Itália, a segunda competição de clubes mais importante do país.

No tempo normal, a partida terminou empatada por 2 a 2. A Internazionale abriu dois gols de vantagem – o primeiro deles um golaço de bicicleta do zagueiro colombiano Murillo -, mas permitiu a reação do Bologna e sofreu o empate. Como na fase de oitavas de final da Copa da Itália é realizado apenas um jogo, ele foi para o tempo extra. Nele, Candreva foi o salvador da equipe de Milão.

O adversário da Internazionale nas quartas de final será definido nesta quarta-feira. No estádio Olímpico, em Roma, Lazio e Genoa duelarão para decidir quem jogará contra a equipe de Milão, que terá a vantagem de atuar em casa, provavelmente no dia 1.º de fevereiro.

Nesta mesma chave, o Sassuolo encara em casa o Cesena, da segunda divisão, e quem passar pegará o vencedor de Roma x Sampdoria, que duelarão nesta quinta-feira. Do outro lado do chaveamento, tudo definido nas quartas de final: Napoli x Fiorentina e Juventus x Milan.

Com pouco espaço na Internazionale, o atacante Gabriel (ex-Santos) foi titular da equipe pela primeira vez contra o Bologna, mas não aproveitou a chance oferecida pelo técnico Stefano Pioli. O brasileiro pouco produziu até ser substituído pelo atacante Candreva, aos 26 minutos do segundo tempo.