Substituto interino de Mano Menezes, que pediu demissão na quinta-feira passada, Jayme de Almeida fechou o último treino antes do seu primeiro clássico, mas não fez mistério para escalar a equipe do Flamengo que vai encarar o Botafogo, quarta-feira à noite, no Maracanã, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

O interno não permitiu que a imprensa assistisse ao treinamento desta terça no Ninho do Urubu, mas antecipou o retorno do goleiro Felipe e do lateral-direito Leonardo Moura. No lugar de Elias, suspenso, também confirmou Luiz Antônio.

“Elias faz falta. Mas estamos tendo a volta do Léo e o Luiz Antonio voltou a jogar bem”, comentou Jayme. Ele promete que o Flamengo, que ronda a zona de rebaixamento do Brasileirão, não terá medo de encarar o vice-líder.

“O Flamengo é um time forte e, independentemente do que se fale, eu vou forte e sem medo. O Flamengo não tem que ter medo de nada. Tem que respeitar, mas fazer o jogo e ganhar. Vamos lutar muito, com organização, e tentar impor a nossa tática”, assegura.

Jayme, que estreou no comando do Flamengo com um empate contra o lanterna Náutico, vai mandar a campo: Felipe; Léo Moura, Wallace, Samir e João Paulo; Amaral, Luiz Antonio, André Santos e Carlos Eduardo; Paulinho (Rafinha) e Hernane.