Adriano foi convocado para o amistoso que a Inter disputará hoje no Camp Nou contra o Barcelona – estará em jogo o troféu ?Joan Gamper? -, mas isso não muda sua situação. A diretoria continua querendo negociá-lo por empréstimo e ele continua irredutível em sua posição de só sair em definitivo.

Para pressioná-lo a aceitar o empréstimo, o clube ameaça não colocá-lo na lista de 25 jogadores que serão inscritos na Copa dos Campeões – o prazo termina à meia-noite de sexta para sábado.

A Inter ofereceu Adriano por empréstimo ao Arsenal. Prontificou-se a pagar parte dos 5 milhões (R$ 13,3 milhões) que o atacante recebe por ano e pediu em troca o meia francês Flamini. Mas o clube inglês recusou.