Considerado como grande favorito ao acesso e ao título do Campeonato Brasileiro da Série B, o Internacional ainda não conseguiu convencer e segue fora do G4. Neste sábado, às 16h30, o time do técnico Guto Ferreira terá mais uma grande oportunidade enfrentando o Vila Nova, pela 16.ª rodada.

Ainda que seja um confronto fora de casa, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, não haverá pressão da torcida porque o jogo será realizado com os portões fechados. O clube goiano sofreu punição de quatro mandos após briga entre torcedores no clássico contra o Goiás.

Com a vitória polêmica por 1 a 0 sobre o Luverdense na última terça-feira – o gol de William Pottker foi muito contestado pelos adversários -, o clube gaúcho chegou aos mesmos 24 pontos do CRB, mas segue fora do G4 por ter seis vitórias contra sete do rival alagoano. Do outro lado, o Vila Nova tem um ponto a menos e também almeja um retorno para a zona de acesso.

O jogo será o primeiro – foram quatro mandos – que o time goiano vai realizar com os portões fechados devido a uma punição imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Para Guto Ferreira, todo o nervosismo do último jogo do Internacional já é passado. Ele focou todas as suas atenções nos treinamentos e indicou que seu time terá uma formação mais ofensiva com Diego, Nico López e William Pottker no ataque, além do retorno de D’Alessandro ao meio de campo.

O zagueiro Klauss está liberado após cumprir suspensão automática, mas no último treinamento coletivo Guto Ferreira indicou a manutenção de Danilo Silva na defesa. “Temos que manter a pegada porque não tem jogo fácil. Além disso, é um confronto direto”, alertou.

A expectativa é que o técnico Hemerson Maria faça algumas mudanças no time titular do Vila Nova. Guilherme Teixeira pode aparecer novamente na defesa no lugar de Alemão, enquanto que Wallyson, que não foi relacionado para o último jogo, tem chance de voltar. A boa notícia é que o volante Geovane retorna após cumprir suspensão automática.

“Independente de ter torcida ou não, vamos entrar concentrados e motivados para ganhar o jogo”, disse o atacante Alípio, que vem sendo bastante criticado pelos torcedores do Vila Nova.