A Série B vai se aproximando do término do 1.º turno e o Paraná Clube, mesmo em seu momento de maior instabilidade, segue no G4. A 15.ª rodada comprovou o grande equilíbrio da competição e os resultados de sábado foram favoráveis ao Tricolor, que mesmo perdendo para o Barueri 3×1, sexta, na Vila Capanema se manteve na zona de acesso para a primeira divisão nacional.

ABC, Goiás e Americana, que poderiam ultrapassar o Paraná, tropeçaram. O Sport, que tentava encostar nas primeiras colocações, foi goleado pelo Boa, no interior mineiro e despencou para a 13.ª colocação.

“O equilíbrio é muito grande nesta Segundona. Só que não adianta só contar com os demais resultados”, destacou o goleiro Zé Carlos, não escondendo que “secou” os principais adversários nos jogos de sábado.

Fortalecido pela combinação de resultados, o Paraná terá uma semana para “acertar a casa” e por um fim no incômodo jejum de vitórias. O time de Roberto Fonseca atingiu três rodadas sem vencer.

“Não é o nosso normal. Vínhamos apresentando uma regularidade não apenas de atuações, mas também de resultados”, avaliou Fonseca. “Acho que fizemos um bom jogo contra o Barueri, mas o que fica é o placar, que foi muito ruim”, reconheceu o treinador.

No próximo sábado às 21h, no Durival Britto, o Paraná faz mais um jogo “de seis pontos”. A rodada apresenta uma chance ímpar para não apenas garantir a reabilitação, mas também para abrir uma distância segura para seus principais perseguidores.

Vencendo o ABC, o Tricolor abre quatro pontos para o representante potiguar. Um quadro que ficaria ainda melhor caso Criciúma, Goiás e Boa também não vencessem. Todos esses concorrentes têm jogos difíceis e fora de casa.

“Nenhum time consegue manter uma regularidade absoluta ao longo de toda a competição, que é longa e muito equilibrada”, disse o técnico Roberto Fonseca. “Mas, até por isso, você tem que assimilar um resultado ruim e já buscar a volta por cima na rodada seguinte”.

Com essa diretriz, o treinador sabe que não resta ao seu time outra opção, senão a vitória sobre o ABC. Neste caso, o Paraná fecharia a 16.ª rodada com apenas um ponto de defasagem em relação à pontuação mínima necessária para o acesso.

Como havia computado dois pontos “de bonificação” na minimeta anterior (quando computou 9 pontos em 4 jogos), o Paraná, superando o ABC, conseguiria se manter na área de acesso.