Custou caro a cotovelada que Ibrahimovic acertou em Tyrone Mings, em retaliação a um pisão que ele havia recebido do jogador do Bournemouth, no sábado. O atacante do Manchester United foi julgado nesta terça-feira pela federação inglesa de futebol, conhecida pela sigla FA, e suspenso por três jogos.

Como a punição vale para todas as competições inglesas, ele começa a cumprir o gancho na segunda-feira, nas quartas de final da Liga da Inglaterra, num clássico contra o Chelsea. Depois, ele ainda perde os jogos diante de Middlesbrough e West Bromwich pelo Campeonato Inglês.

Ibra já aceitou a punição, de forma que não haverá recurso. Mings também foi acusado de conduta violenta pela FA, mas o Bournemouth já avisou que vai apelar. Assim, a pena dele ainda não é conhecida. A expectativa é que a suspensão dele seja ainda mais longa que a do astro sueco.

O árbitro não viu a troca de agressões, que poderia ter causado a expulsão de Ibrahimovic – ele já tinha cartão amarelo. Kevin Friend só deu cartão para Surman, do Bournemouth, que chegou na confusão empurrando o sueco. Foi o segundo amarelo do meia, que acabou expulso aos 45 minutos do primeiro tempo. Mesmo com um jogador a mais e jogando em casa, o Manchester não saiu do 1 a 1.

Como a suspensão não vale para as competições da Uefa, Ibrahimovic deve ser titular do Manchester United na quinta-feira, diante do Rostov, na Rússia, pelas oitavas de final da Liga Europa.