Após realizar excelente temporada, a brasileira Fabiana Murer teve coroado o seu desempenho no ano nesta terça-feira, ao ser indicada pela Associação Internacional das Federações de Atletismo (Iaaf, em inglês) para o prêmio de atleta do ano. Murer concorrerá com outras nove atletas.

Com a ausência da russa Yelena Isinbayeva em boa parte da temporada, Murer foi o grande destaque no ano no salto com vara. Além de conquistar o Mundial Indoor da modalidade, disputado em março, ela sagrou-se campeã da Diamond League.

Sua principal concorrente no prêmio deve ser a croata Blanka Vlasic, que dominou quase todas as competições no salto em altura que disputou em 2010. Concorrem ainda a britânica Jessica Ennis, a jamaicana Veronica Campbell Brown, a norte-americana Allyson Felix, a queniana Milcah Chemos Cheywa, a etíope Meseret Defar, a bielo-russa Nadezhda Ostapchuk, a cazaque Olga Rypakova e a polonesa Anita Wlodarczyk.

No masculino, um dos principais destaques é a ausência do jamaicano Usain Bolt.

Após perder boa parte da temporada com uma contusão, o recordista mundial nos 100 e nos 200 metros não foi indicado para o prêmio. Tyson Gay, responsável pela primeira derrota de Bolt em dois anos, aparece como forte candidato a vencer. A lista conta ainda com o queniano David Rudisha, que bateu o recorde mundial dos 800 metros.

Os demais candidatos são o australiano Steve Hooker, os norte-americanos Bernard Lagat, Christian Cantwell e David Oliver, o francês Teddy Tamgho, o norueguês Andreas Thorkildsen, o eritreu Eritreia e o francês Christophe Lemaitre, primeiro branco a correr os 100 metros em menos de 10s (9s98).