O técnico Guus Hiddink anunciou nesta sexta-feira uma lista de 25 convocados para os jogos que a Holanda fará diante de Casaquistão e Islândia, respectivamente nos próximos dias 10 e 13, pelas Eliminatórias da Eurocopa de 2016. A principal novidade da convocação foi a volta de Arjen Robben, grande nome holandês na Copa de 2014, que acabou ficando fora dos dois primeiros confrontos sob o comando do novo treinador do time nacional.

Por motivo de lesão, o atacante não esteve em campo em um amistoso diante da Itália e em um confronto com a República Checa, pela primeira rodada do Grupo A das Eliminatórias da Euro. A Holanda foi derrotada nestas duas partidas e assim Hiddink ainda busca sua primeira vitória como substituto de Louis van Gaal, que deixou a seleção para dirigir o Manchester United após a disputa do Mundial.

Ausente desta lista de convocados, o atacante Dirk Kuyt, de 34 anos de idade, anunciou oficialmente nesta sexta que está se aposentando da seleção holandesa após 104 partidas pela equipe nacional. O atacante optou por não defender mais o país após ouvir do novo treinador que não faz parte dos seus planos para um projeto a longo prazo neste novo ciclo que visará principalmente a Copa de 2018. Desta forma, ele preferiu abrir espaço para jovens valores que poderão atuar pela seleção.

“Eu quero ser importante para o time holandês, mas o treinador explicou-me que ele não tem mais um papel para mim”, disse Kuyt, por meio de comunicado, admitindo também que só se via atuando pela seleção holandesa por “no máximo mais dois anos, para ser honesto”. “Olho para trás com grande orgulho após dez anos maravilhosos pela seleção holandesa”, completou, ao se despedir da seleção.

Confira a lista de convocados da Holanda:

Goleiros: Jasper Cillessen (Ajax), Tim Krul (Newcastle) e Jeroen Zoet (PSV Eindhoven).

Defensores: Gregory van der Wiel (Paris Saint-Germain), Daryl Janmaat (Newcastle), Jeffrey Bruma (PSV Eindhoven), Bruno Martins Indi (Porto), Joel Veltman (Ajax), Stefan de Vrij (Lazio), Virgil van Dijk (Celtic), Daley Blind (Manchester United) e Erik Pieters (Stoke City).

Meio-campistas: Jordy Clasie (Feyenoord), Leroy Fer (Queens Park Rangers), Nigel

de Jong (Milan), Davy Klaassen (Ajax), Wesley Sneijder (Galatasaray), Georginio Wijnaldum (PSV Eindhoven) e Ibrahim Afellay (Olympiakos).

Atacantes: Arjen Robben (Bayern de Munique), Robin van Persie (Manchester United),

Jeremain Lens (Dínamo de Kiev), Klaas Jan Huntelaar (Schalke 04), Luciano Narsingh

(PSV Eindhoven) e Quincy Promes (Spartak Moscou).