O Torneio de Wimbledon terá um clássico nas oitavas de final da chave feminina de simples. Depois de Kim Clijsters obter a sua classificação contra a russa Maria Kirilenko, nesta sexta-feira, foi a vez de outra tenista belga avançar. Justine Henin derrotou com facilidade a também russa Nadia Petrova, cabeça de chave número 12, por 2 sets 0 – com parciais de 6/1 e 6/4 – e se credenciou para jogar contra a compatriota.

Sete vezes campeã de torneios Grand Slam, mas sem títulos na competição disputada na grama londrina – foi duas vezes vice-campeã, Henin só encontrou resistência de Petrova no segundo set da partida. Cabeça de chave número 17 em Wimbledon, a belga, que retornou ao circuito profissional nesta temporada, fará o 25.º confronto contra Clijsters. O duelo belga está empatado em 12 a 12.

Outra favorita a avançar às oitavas de final foi a sérvia Jelena Jankovic. Assim como Henin, a cabeça de chave número 4 em Londres ganhou seu jogo pela terceira rodada com extrema facilidade. Contra a ucraniana Alona Bondarenko, 28.ª pré-classificada, Jankovic ganhou por 2 sets a 0 – com parciais de 6/0 e 6/3. Sua próxima rival já está definida. Será a russa Vera Zvonareva, cabeça de chave 21, que passou pela belga Yanina Wickmayer, 15.ª pré-classificada em Wimbledon, por 2 a 0 – parciais de 6/4 e 6/2.

Em outro jogo desta sexta, a búlgara Tsvetana Pironkova ganhou da russa Regina Kulikova. Após ganhar o primeiro set por 6/4 e estar vencendo a segunda parcial por 2 a 0, a tenista da Rússia sentiu uma lesão e resolveu abandonar a partida. Nas oitavas, Pironkova enfrentará a francesa Marion Bartoli, cabeça de chave número 11.