A Mercedes voltou a mostrar força na abertura da temporada da Fórmula 1 ao conquistar a pole position para o GP da Austrália, com o britânico Lewis Hamilton, no treino classificatório deste sábado. Seu companheiro Nico Rosberg, da Alemanha, largará perto, do terceiro posto no grid. O brasileiro Felipe Massa, uma das apostas da F1 neste início de campeonato, vai sair apenas do 9º lugar.

Mais rápido da sexta-feira, Hamilton cravou a primeira pole do ano com o tempo de 1min44s231. O piloto, contudo, quase foi surpreendido pelo local Daniel Ricciardo, grande surpresa deste sábado. O australiano, que está estreando na Red Bull, era dono da melhor marca do Q3 – 1min44s548 – até os últimos segundos da sessão, quando Hamilton mostrou grande ritmo e obteve o primeiro lugar no grid.

Enquanto Ricciardo surpreendia, seu companheiro Sebastian Vettel decepcionava os fãs. O tetracampeão não avançou ao Q3, o que não acontecia desde o GP da Bélgica de 2012, e obteve apenas o 13º melhor tempo da classificação. O alemão acabará largando do 12º posto, beneficiado pela punição aplicada a Valtteri Bottas. O finlandês trocou a caixa de câmbio e perdeu cinco posições, pulando do 10º para o 15º lugar.

O bicampeão Fernando Alonso também não conseguiu repetir neste sábado, na molhada pista de Melbourne, o rendimento dos treinos livres. Assim, foi o quinto mais rápido, atrás do dinamarquês Kevin Magnussen, um dos estreantes do ano, que voltou a colocar a McLaren em evidência. Kimi Raikkonen, novo parceiro de Alonso na Ferrari, largará somente da 11ª posição.

O mau tempo neste sábado atrapalhou o rendimento de diversas equipes durante as três sessões da classificação. Raikkonen foi um dos que mais sofreu, ao deixar a pista e acertar o muro de proteção, sem maior perigo. Bottas, companheiro de Massa, também derrapou.

No Q3, a chuva foi mais intensa, o que obrigou os pilotos a reduzirem o ritmo, apesar da briga pela pole. Massa teve dificuldades para segurar a sua Williams na pista e não conseguiu ir além do nono melhor tempo da sessão, embora tenha sido um dos grandes destaques dos testes de pré-temporada. Antes dos treinos livres, a equipe chegou a cogitar a possibilidade de pódio já nesta etapa de abertura do Mundial de Fórmula 1.

Outra decepção do treino foi a Lotus. A equipe que menos completou voltas na pré-temporada repetiu o desempenho ruim das sessões livres neste sábado e ficou no pelotão traseiro do grid. O venezuelano Pastor Maldonado não chegou a registrar tempo e vai amargar no domingo a última colocação na largada.

O francês Romain Grosjean chegou a ir para a pista no Q1, mas fez o pior tempo da sessão. Obteve o 21º e penúltimo lugar. No entanto, largará em 20º por causa da punição aplicada ao mexicano Esteban Gutierrez, também por ter trocado a caixa de câmbio. O piloto da Sauber vai largar do 21º posto.

A primeira corrida da temporada 2014 será disputada na madrugada deste domingo. A largada está marcada para as 3 horas (de Brasília), com previsão de chuva para a pista de Melbourne.

Confira o grid de largada do GP da Austrália:

1º – Lewis Hamilton (ING/Mercedes)

2º – Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull)

3º – Nico Rosberg (ALE/Mercedes)

4º – Kevin Magnussen (DIN/McLaren)

5º – Fernando Alonso (ESP/Ferrari)

6º – Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso)

7º – Nico Hülkenberg (ALE/Force India)

8º – Danill Kvyat (RUS/Toro Rosso)

9º – Felipe Massa (BRA/Williams)

10º – Jenson Button (ING/McLaren)

11º – Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari)

12º – Sebastian Vettel (ALE/Red Bull)

13º – Adrian Sutil (ALE/Sauber)

14º – Kamui Kobayashi (JAP/Caterham)

15º – Valtteri Bottas (FIN/Williams)

16º – Sergio Perez (MEX/Force India)

17º – Max Chilton (ING/Marussia)

18º – Jules Bianchi (FRA/Marussia)

19º – Marcus Ericsson (SUE/Caterham)

20º – Romain Grosjean (FRA/Lotus)

21º – Esteban Gutierrez (MEX/Sauber)

22º – Pastor Maldonado (VEN/Lotus)