A Copa América Centenário, que será realizada em junho nos Estados Unidos, finalmente conhece os 16 times que participação do torneio. As duas últimas vagas foram definidas na sexta-feira à noite, no Panamá, em dois confrontos únicos. O Haiti ficou com uma das vagas ao vencer Trinidad e Tobago por 1 a 0. Depois, o Panamá, que jogava em casa, fez 4 a 0 em Cuba.

O Panamá recebeu o direito de sediar a repescagem porque foi semifinalista da Copa Ouro (assim como México, Jamaica e EUA). Cuba, Haiti e Trinidad e Tobago, além da Costa Rica, alcançaram as quartas de final daquela competição e, por isso, ganharam uma segunda chance de se garantirem no torneio.

Panamá e Haiti se juntam a México (Campeã da Copa Ouro 2015), Estados Unidos (donos da casa), Costa Rica (campeã da Copa Centro-Americana) e Jamaica (campeã da Copa do Caribe) como representantes da Concacaf na Copa América Centenário. A Conmebol terá seus 10 times participando do torneio.

Brasil, Argentina, México e Estados Unidos serão cabeças de chave do sorteio, que vai acontecer em fevereiro. A divisão dos times nos potes vai acontecer de acordo com o ranking da Fifa de dezembro, de forma que Chile, Colômbia, Uruguai e Equador estarão num pote, Paraguai, Peru, Costa Rica, e Jamaica em outro, e Panamá, Haiti, Venezuela e Bolívia no último.

Após disputar a Copa do Mundo de 2014, Honduras é a grande ausência do torneio. Terminou apenas no quinto lugar a Copa Centro-Americana de 2014 e somou um único ponto para ser eliminada na fase de grupos da Copa Ouro deste ano. Em 49.º lugar do ranking, entretanto, Trinidad e Tobago é o time mais bem ranqueado a ficar fora da Copa América.