São Paulo – Gustavo Kuerten adiou mais uma vez sua volta ao circuito profissional. Ele desistiu de jogar o ATP Tour de Buenos Aires, onde faria sua estréia ontem à tarde, contra o também brasileiro Flávio Saretta.

O motivo alegado para a desistência de Guga em Buenos Aires foi, mais uma vez, um problema no tornozelo, o mesmo que o impediu de jogar no Torneio de Viña Del Mar, no mês passado, no Chile.

O tenista está fora de torneios oficiais desde setembro do ano passado, quando disputou o US Open. O mais estranho da história é que, no dia anterior, Guga falou com clareza de sua possibilidade de estréia e chegou inclusive a lamentar o fato de ter de enfrentar outro brasileiro. Seu técnico, Hernan Gumy, também foi incisivo dizendo que já havia chegado a hora dele voltar aos torneios.

Os organizadores do ATP Tour de Buenos Aires, o ex-tenistas Martin Jaite e Christin Miniuci, haviam inclusive programado uma homenagem para Guga, com a entrega de uma placa. Mas acabaram desistindo da idéia, que até daria um tom de despedida para o tenista brasileiro.

Eliminados

Ricardo Mello não resistiu ao apenas regular Martin Vassallo Arguello e foi eliminado na sua estréia em Buenos Aires.

O tenista brasileiro perdeu para Arguello por 2 sets a 0, com duplo 6/3.

Depois de Ricardo Mello, Marcos Daniel também foi eliminado do Torneio de Buenos Aires. O tenista brasileiro perdeu para o chileno Nicolas Massu por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 5/7 e 6/1.