O Atlético encara o Vasco amanhã com duas mudanças em relação ao time que enfrentou o Avaí na rodada anterior. Uma, por opção; a outra, por necessidade. O atacante Guerrón entra no lugar de Paulo Baier, que está vetado pelo departamento médico.

Assim, Madson recua um pouco para o equatoriano jogar ao lado de Santiago García, o “El Morro”, no ataque. “O Guerrón faz parte do grupo do Atlético, é mais um jogador que tem contrato, é igual a todo mundo. Pode começar jogando ou pode ficar esperando”, disse o treinador, sem dar pistas da possível entrada do equatoriano.

Paulinho seria a segunda novidade da equipe, por opção do treinador, insatisfeito com Marcelo Oliveira. Renato Gaúcho, no entanto, deixa claro que a escalação oficial só sai 45 minutos antes do jogo.

No entanto, o pouco que o treinador fala sobre a equipe mostra que ele vai mudar, mas nada muito contundente para dar entrosamento ao time. “Não adianta fazer muitas mudanças. Precisa dar entrosamento para a equipe. Se mexer toda hora não passa confiança para ninguém. Não estou falando que a equipe vai ser 100% aquela, mas se mexer vai ser uma ou duas no máximo”, sinaliza.