Porto Alegre (AE) – O Grêmio derrotou o Vila Nova por 3 a 1, nesta quarta-feira, no Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS), e está classificado para enfrentar o Fluminense na terceira fase da Copa do Brasil.

O time gaúcho contava com a vantagem do empate por 0 a 0 já que tinha empatado o jogo de ida, em Goiânia, por 1 a 1, e passou boa parte do primeiro tempo tentando reter a bola no seu campo de ataque. Mas teve de acelerar o ritmo depois de sofrer o primeiro gol, aos 28 minutos, num cruzamento de Wando, em cobrança de falta, que o zagueiro Cláudio Luís desviou para as redes.

O Grêmio empatou logo depois, aos 32 minutos, quando Fábio Bala aproveitou-se de uma trapalhada da defesa do Vila Nova para roubar a bola e chutar no canto direito de Michel.

Desaparecida a vantagem do 0 a 0, o Grêmio se lançou ao ataque no segundo tempo. Após muita insistência e algumas chances desperdiçadas por seus atacantes, o time gaúcho fez seu segundo gol. Somália cruzou para Márcio Oliveira, entre dois zagueiros, tocar para as redes, aos 23 minutos.

O Vila Nova poderia ter empatado e garantido a classificação aos 31 minutos, numa jogada individual de Leonardo Manzi, que enganou três gremistas, inclusive o goleiro, e chutou com precisão. Mas o zagueiro Alessandro vinha na cobertura e salvou seu time embaixo da trave.

O Grêmio resistiu à pressão e, num contra-ataque, fez seu terceiro gol, aos 45 minutos, em jogada de Samuel, que avançou pela direita e acertou um chute cruzado sem chances para Michel.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 3 X 1 VILA NOVA-GO

GOLS – Cláudio Luis aos 28 e Fábio Bala aos 32 minutos do primeiro tempo; Márcio Oliveira aos 23 e Samuel aos 45 minutos do segundo tempo.

GRÊMIO – Eduardo; Gustavo (Alessandro), Tiago Prado, Alessandro Lopes e Marcinho (Samuel); Marcus Vinícius, Bruno, Élton e Márcio Oliveira (Saraiva); Fábio Bala e Somália. Técnico: Hugo De León.

VILA NOVA – Michel; Marquinhos, Higo (Itaqui), Cláudio Luis e Felipe Alvim; Alexandre, Heleno, Fábio Bahia e Luciano (Leonardo Manzi); Marco Aurélio (Laionel) e Wando. Técnico: Édson Gaúcho.

JUIZ – Paulo Henrique de Godoy Bezerra (SC).

CARTÃO VERMELHO – Cláudio Luis

CARTÃO AMARELO – Tiago Prado, Fábio Bala, Élton, Higo e Luciano.

PÚBLICO E RENDA – Não fornecidos.

LOCAL – Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS).