O Botafogo-RJ perdeu mais um jogador na Justiça. Com quatro meses de salários atrasados e dois de depósitos de FGTS, o goleiro Andrey rescindiu com o clube, após vitória nos tribunais. Liberado, ele está com viagem marcada a Ribeirão Preto, onde assinará com o Botafogo-SP para a disputa do Campeonato Paulista.

Conforme a sentença, a CBF e a Ferj precisam oficializar a sua saída do time carioca em até 48 horas. Passado esse tempo, as entidades serão obrigadas a arcar com uma multa diária de R$ 3 mil. Andrey é o quarto jogador a acionar o Botafogo na Justiça. Antes dele, saíram o lateral Lucas e o volante Gabriel (Palmeiras), além do meia Daniel (São Paulo) e o ala Lima também saíram.

Com a convocação de Jefferson para defender a seleção brasileira na Copa do Mundo, Andrey ganhou uma chance entre os titulares e foi logo conquistando a torcida. Fez oito partidas com a camisa botafoguense e ganhou uma chance na seleção de base do Brasil, atuando na equipe olímpica.

Andrey apareceu no treinamento do Botafogo-RJ nesta quinta-feira para se despedir dos companheiros. No xará Botafogo-SP chega com status de titular e deve ficar até o fim da competição estadual, em maio.