Com apenas 13 anos, Tamires Veiga se destaca como uma das esperanças da ginástica nacional. Os resultados da atleta do LiveWright em competições internacionais mostram que a ginasta tem tudo para recolocar o País no caminho das vitórias na modalidade.

Na Alexander Dityatin Cup, em São Petersburgo, na Rússia, a garota conquistou quatro medalhas na categoria juvenil. Tamires foi ouro na trave, prata no individual geral e bronze no solo e salto. “Fiquei surpresa com tantas medalhas, esperava subir ao pódio, mas não tantas vezes. Fico feliz com isso, pois assim sei que meus treinos estão dando resultados”, revelou a atleta.

O Brasil também subiu ao pódio na categoria adulta com Mariana Valentin, que ficou com o bronze no solo com 10.625 pontos. Ao todo foram cinco medalhas no evento, um dos mais fortes da temporada e que contou com a participação de 17 países.

Desempenho

O desempenho de 2013 superou o do ano passado, quando a ginástica feminina nacional faturou três medalhas. As meninas treinam em Curitiba (PR) na sede do Cegin (Centro de Excelência de Ginástica), projeto com patrocínio máster da Cielo.