O técnico Geninho terá de fazer duas alterações no Atlético para o jogo de amanhã, contra o Corinthians-PR, na Arena da Baixada. Depois de perder Paulinho, o Rubro-Negro não poderá contar com o atacante Lucas, que sentiu dores musculares e será poupado.

Geninho prefere perder o jogador agora a ter de ficar sem o atacante por muitas rodadas. Por isso, decidiu poupar o vice-artilheiro da equipe, que tem 6 gols (somando Estadual e Copa do Brasil).

“O Lucas correu, mas ainda sente um incômodo. Como a lesão é muscular, se está sentindo não pode colocar no jogo porque corre o risco de abrir e agravar. Aí, um jogador que eu poderia contar para domingo acabo perdendo por 15 dias, um mês. Lucas fica fora e provavelmente possa ser liberado para domingo”, explicou.

Sem Lucas, Wescley terá nova chance na equipe. Porém, com a alteração, o time perderá a característica de ter um homem de referência no ataque. Geninho, no entanto, não acredita que seja tão acentuada assim a mudança.

“Com o Wescley será um pouco diferente. Mas como ele vinha entrado em alguns jogos, vai para o jogo. No restante, devo manter a estrutura que vinha atuando”, disse o treinador.

Sem a pretensão de mudar o esquema tático, Geninho manterá Kléberson na lateral-direita, promovendo apenas a entrada de Héracles na lateral-esquerda, em substituição a Paulinho, que cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo recebido no jogo com o Arapongas.

Mesmo reclamando do setor direito do time, na vitória de sábado passado por 2 x 0 sobre o Arapongas, Geninho quer mais uma vez manter o time com Xaropinho fazendo a função de lateral e segundo volante.

A preocupação do treinador é fazer mudanças e prejudicar a evolução que o time está conseguindo nos últimos jogos. “Mantenho o esquema pelas características do adversário. Aí tenho condição de fazer a linha de quatro, puxando o Manoel para fazer a lateral e trazendo o Kléberson para dentro. Tenho que primeiro fazer este time rodar, produzir um pouco melhor para depois ir fazendo os encaixes necessários”, justificou. Assim, Geninho colocará o Atlético no 3-5-2 novamente.